Itaberá - 21 de abril de 2018
Previsão do Tempo: Clear Day

min 10°

max 26°

0% 0mm

12 fatos sobre refrigerante zero que todo mundo precisa saber

Esse tipo de bebida não contém açúcar e nem calorias, mas apresenta adoçantes artificiais que podem aumentar o risco de câncer
saúde

Olá! Esta notícia foi publicada a mais de 3 meses! O contéudo pode não refletir um cenário atualizado, estar defasado ou pode ter se tornado irrelevante. Boa leitura! :)


Por Ame Noticias - 13 de setembro de 2015 - 11:48

12 fatos sobre refrigerante zero que todo mundo precisa saber

Os refrigerantes zero estão nas prateleiras de todos os supermercados e fazem parte da alimentação diária de muitas pessoas. Garantindo serem livres de calorias, eles são vistos pela maioria como uma opção mais saudável de se consumir refrigerantes, e verdadeiros “aliados” daqueles que querem controlar o peso.

Mas, na prática, não é bem assim. Há muita controvérsia sobre o assunto, e a maioria dos profissionais garante que o consumo desse tipo de refrigerante é maléfico para a saúde.

Mas, afinal, que tipo de problema o consumo de refrigerante zero pode causar? Ele é mesmo indicado para quem deseja emagrecer? Essas são apenas algumas das principais dúvidas sobre o assunto.

Neste sentido, conheça abaixo fatos interessantes sobre este tipo de bebida para que possa tirar suas próprias conclusões:

1. O que é o refrigerante zero? É a mesma coisa que o diet e o light?

Para entender se existe alguma diferença entre tais denominações, é preciso saber que diet é um produto isento de algum nutriente. No caso dos refrigerantes, o que ocorre é a isenção de açúcares. Já a definição de produto light deve ser empregada naqueles que apresentam redução mínima de 25% em algum nutriente ou calorias (quando comparados com o alimento convencional).

O termo “zero” indica geralmente que o produto é “zero açúcar”, o que, na verdade, é sinônimo de uma bebida diet, sem açúcar. Porém, essas diferentes apostas de denominação provavelmente fazem parte de uma estratégia de marketing, para atingir públicos diferentes com produtos bem semelhantes.

Para citar um exemplo conhecido: a Coca-Cola Zero contém água gaseificada, extrato de noz de cola, cafeína, adoçantes e aditivos alimentares, de acordo com informações do site do refrigerante. Em 200ml da bebida há 0 kcal e 28mg de sódio.

É importante lembrar que a primeira Coca-Cola sem açúcar recebia o nome de Diet Coke. Porém, seguindo razões comerciais, o nome foi mudado para Coca-Cola Light e, tal mudança foi permitida porque, tecnicamente, um produto diet também é light (já que reduz em mais de 25% algum componente).

Depois, foi lançada a Coca-Cola Zero, que se diferencia da Light pela composição dos adoçantes que substituem o açúcar. De acordo com informações do próprio site da marca, “a diferença está no sabor. Em cada fórmula é utilizada uma mistura de adoçantes própria, que produz um sabor diferente e especial”.

No caso do Guaraná Antarctica Zero, também para conhecimento sobre a composição do produto, os ingredientes são: água gaseificada, extrato de guaraná, acidulante ácido cítrico, edulcorantes, aspartame (34,8mg/100ml) e acesulfame de potássio (9,0mg/100ml), conservador benzoato de sódio, aromatizante e corante caramelo IV. De acordo com informações do site do produto, 200 ml do refrigerante possui 0kcal e 11mg de sódio.

Apesar das diferentes denominações, na verdade, não há muito motivo para confusão: refrigerantes light, diet ou zero são praticamente iguais, oferecem pouca ou nenhuma caloria e são isentos de açúcar.

2. Qual a diferença entre o refrigerante zero e o refrigerante normal?

Paula Crook, nutricionista da Patrícia Bertolucci Consultoria, explica que os refrigerantes convencionais apresentam uma média de 150 calorias e muito açúcar. “Já o refrigerante zero não contém açúcar e nem calorias, mas apresenta adoçantes artificiais que não fazem bem à saúde e podem aumentar o risco de câncer. Quanto aos aditivos químicos, ambos apresentam uma grande quantidade em sua composição”, diz.

3. Refrigerante zero é indicado para quem está fazendo dieta? Não engorda mesmo?

Foto: Getty Images

A nutricionista Paula explica que, embora o refrigerante zero seja livre de calorias, não deve-se dizer que ele ajuda na perda peso. “Pesquisas mostram que consumidores de refrigerante zero apresentam um aumento da circunferência da cintura em 70% em comparação com pessoas que não o consomem. Isso se deve à forma como os adoçantes artificiais confundem as papilas gustativas e a fatores psicológicos que levam a pessoa a se dar o direito de consumir alimentos mais calóricos já que não estão consumindo calorias na bebida”, diz.

Para a médica nutróloga Ana Luisa Vilela, para as pessoas que querem emagrecer, a solução é não consumir nenhum tipo.

“O grande problema dos refrigerantes é que, mesmo esses que não contêm açúcar na composição e, portanto, têm um valor calórico bem menor, apresentam de qualquer forma sódio, corantes, acidulantes, conservantes e xarope – todos que, em excesso, fazem mal à saúde”, acrescenta a médica nutróloga.

Além disso, muitas pessoas que desejam controlar o peso tomam esse tipo de refrigerante sem açúcar com a ideia de “compensação”. Mas de nada adianta ingerir bebida “zero” e continuar com hábitos alimentares inadequados. O que emagrece mesmo é uma reeducação alimentar, e o consumo de alimentos que oferecem benefícios ao organismo.

4. O consumo excessivo de refrigerante zero pode oferecer problemas à saúde?

Paula destaca que os refrigerantes zero contêm altos níveis de fosfato e apresentam efeitos deletérios sobre a saúde dos ossos. “Além disso, podem prejudicar a saúde dos rins, causar retenção hídrica, comprometimento do trato gastrointestinal, aumento da pressão arterial, desgastar os esmaltes dos dentes, levar à obesidade e ainda aumentam o risco de desenvolvimento de câncer”, alerta.

5. A pessoa pode tomar eventualmente (por exemplo, uma vez no fim de semana) o refrigerante zero? Ou é melhor optar pelo refrigerante normal?

Paula lembra que os refrigerantes não trazem nenhum benefício ao organismo. “Seja o zero ou o normal, devem ser evitados o máximo possível, devido à sua acidez e excesso de aditivos químicos”, diz.

Para Ana Luisa, o refrigerante nunca é uma opção saudável, independentemente da versão.

6. Que tipo de adoçante é usado no refrigerante zero?

Os adoçantes não calóricos mais utilizados geralmente são: sacarina, acessulfame-K, ciclamato easpartame. Normalmente é utilizada a associação de dois ou mais em cada bebida.

7. Existe uma quantidade de refrigerante zero segura e saudável para tomar?

“O ideal é não consumir refrigerantes, pois em nenhuma quantidade eles são considerados saudáveis. O refrigerante apresenta uma acidez tão grande que, para neutralizar o sangue após o consumo do mesmo, são necessários 30 copos de água pura”, destaca Paula.

8. Quais são substitutos saudáveis e refrescantes para o refrigerante zero?

A nutricionista Paula lembra que a água pura é a melhor bebida resfrescante para o corpo humano, “pois é essencial para muitos dos nossos processos corporais”.

“Além de água podemos optar por chás feitos com ervas, águas aromatizadas com ervas e sucos de frutas naturais”, acrescenta a nutricionista.

Ana Luisa destaca que uma boa “troca” é optar pela água com gás com limão. “Ajuda nessa ideia de substituição e é bem mais saudável”, diz a médica.

9. Refrigerantes de fruta zero são mais saudáveis que os de cola?

Paula explica que a diferença é muito pequena. “Os refrigerantes de cola apresentam a mais cafeína e corante amarelo IV. Em comum o refrigerante de cola e refrigerantes de fruta zero apresentam água gaseificada, acidulante, conservante e edulcorantes artificiais”, diz.

10. Existe algum grupo de risco para o qual o refrigerante zero é contraindicado?

Foto: Getty Images

Paula destaca que, durante a gravidez, os produtos com adoçantes devem ser evitados. “Pois alguns estudos sugerem que adoçantes artificiais, como aspartame, ciclamato ou sacarina, são capazes de atravessar a barreira placentária e provocar anomalias ou má formação no desenvolvimento do feto. Como ainda existem poucos estudos comprovando ou não o risco destes adoçantes para fetos humanos, seu uso deve ser evitado durante a gestação de forma preventiva”, orienta.

11. É possível se livrar do “vício” em refrigerantes zero?

“Assim como no caso cigarro, o ideal é parar de beber o refrigerante de uma vez só. Inicialmente a pessoa sentirá provavelmente efeitos indesejáveis, como dor de cabeça, tontura, falta de disposição e irritabilidade. No entanto, após uma semana os sintomas vão desaparecendo”, diz Paula.

“Neste processo, é importante ainda o consumo de grande quantidade de água e uma alimentação nutritiva”, acrescenta a nutricionista.

12. Refrigerante zero é indicado para diabéticos?

Ana Luisa lembra que, para os diabéticos, o consumo deve ser de produtos sem açúcar mesmo. Por isso, para este público, o refrigerante zero (ou, de acordo com a denominação, diet) é a melhor opção (quando comparado ao refrigerante convencional).

De toda forma, vale lembrar: os refrigerantes, independentemente da versão, não são opções saudáveis.

Tanto no caso dos diabéticos, como no caso de pessoas que desejam perder/controlar o peso, o ideal é conversar com um nutricionista ou médico que possa orientá-los sobre o consumo desses tipos de refrigerantes.

Apesar de dúvidas e divergências sobre o assunto, um fato é consenso: o melhor é não consumir refrigerante (de nenhum tipo).

Fonte: Dicasdemulher.com.br

Comentar

Deixe seu comentário

Atenção!Não escreva comentários contendo apenas letras Maiúsculas.

Todos os comentário postados aqui são de exclusiva responsabilidade de seus autores.
É reservado a nós apenas o direito de filtrá-los e moderá-los de acordo com nossos critérios.
Qualquer comentário com conteúdo discriminativo, com palavras ofensivas ou qualquer texto que seja julgado impróprio por nossos moderadores, serão automaticamente marcados como spam e não serão publicados.
A Ame Notícias incentiva a discussão de forma saudável e com respeito, se seu comentário não vier a ser aprovado e você discordar por algum motivo, sinta-se livre para entrar em contato conosco.

O seu endereço de email não será publicado
Campos obrigatórios são marcados *

WordPress Anti-Spam by WP-SpamShield


agenda

  • Não há eventos nos próximos dias.

newsletter

Assine nossa newsletter e receba nossas últimas notícias por email

conecte-se

Confira nossas atualizações nas redes sociais, e fique por dentro de tudo que acontece

twitter facebook